Escolha a carne ideal para sua refeição


Quem nunca teve dificuldades de escolher uma carne no açougue, que atire a primeira pedra. Estou aqui para tirar suas duvidas, vou detalhar os cortes da carne do boi e indicar qual preparação é mais indicada. Você que adora participar em churrascos com os amigos, ou apenas cozinhar no dia a dia, aprenda qual parte bovina é a mais indicada para a sua refeição: 1 – Peito: Bom corte para rechear e enrolar, dá também para sopas e cozidos. 2 – Pescoço: Ótimo para pratos que exijam bons molhos, como ensopados, cozidos, picadinhos e carnes de panela, tem muito tecido conjuntivo e gordura, exige prolongado tempo de cozimento. É considerado de “terceira”. 3 – Cupim: É a corcova do boi, uma bola de carne gordurosa e saborosa, assada por pelo menos 4 horas envolvida por celofane. Característico do gado zebu, usado em churrascos, assados e carnes de panela. Carne mais gordurosa do boi. Parte nobre que tem como característica seu sabor marcante. 4 – Acém: Macio e saboroso, dá bons ensopados, picadinhos, cozidos, bifes e carnes de panela com molho. 5 – Braço: Dá bons molhos e ensopados, ótimo para carnes de cozimento mais longo e para moer. 6- Músculo: Bom para molhos, ensopados, sopas, carnes de panela e cozida. 7 – Capa de Filé: Para ensopados e picadinhos, pratos de cozimento mais longo. 8 – Aba de Filé: Carne dura, só deve ser usada depois de moída. 9 – Ponta de Agulha: Um pouco mais rígida, dá para sopas, cozidos e ensopados. Assada por pelo menos 4 horas em fogo brando, com o lado do osso voltado para a brasa, virando apenas na hora de servir para dourar a carne que é forte e saborosa 10 – Filé de Costela: Como tem fibras mais duras, é usado em churrasco ou em cozido com legumes. 11 – Contrafilé: Para bifes, rosbifes e assados. Entrecorte (Contra filé): Carne extremamente macia, extraída da ponta do contra filé.12- Filé Mignon: Sua qualidade é a maciez. Usado em escalopes, bifes, rosbifes, estrogonofes e fondues. Extremamente macia por não ter contato com as partes mais movimentadas do animal. Carne não gordurosa, com sabor pouco acentuado devido ao alto volume de irrigação sanguínea nessa região. 13 – Picanha: Parte nobre do animal. Carne macia e com sabor suave, temperada com alho ou no sal. Carne mais requisitada para churrasco, faz par com o Alcatra, pesa entre 1 e 1,5 Kg, e pode ser cortada de várias maneiras, deve ser servida ao ponto ou mal passada. 14 – Alcatra: Como é macia e saborosa, é perfeita para bifes. É a carne localizada no centro do quadril do boi. Possui duas partes, uma mais macia para bifes e outra para assados e refogados. Observação: – Alcatra: Considerada “A Rainha das Carnes”, de onde saem a maminha e a picanha. Servida ao ponto ou mal passada. 15 – Maminha: Ideal para carne bem passada em assados e churrascos ou para carne assada. É a carne da virilha do boi, que por sua baixa irrigação sanguínea, tem sabor suave e é muito macia. 16 – Fraldinha: Boa para bifes de panela e cozidos. Saborosa e macia. Por ser uma carne magra, possui baixa taxa de colesterol. 17 – Patinho: Dá bifes à milanesa, de panela ou ensopados. 18 – Coxão Duro: Para carne de panela, rolês e ensopados. Moído, pode ser usado para recheios, hambúrgueres, almôndegas e croquetes. 19 – Coxão Mole: Sinônimo de carne para bife por muitos anos, o coxão mole tem sido insistentemente cortado de maneira errada, por não ser cortado em sentido transversal ás fibras. Bom para bifes rolês e assados, carne moída e bife à milanesa. 20 -Lagarto: Para ser cozida com molho e como carne de panela. 21 -Rabo: Para ensopados e carnes de panela, pratos em que o cozimento é longo. Pode ser preparado em pedaços, cortando vértebra, ou numa só peça.

LEIA MAIS IMPRIMIR ou SALVAR COMPARTILHAR ou SALVAR SALVAR PDF