Novo app do Ministério da Saúde vai facilitar sua vida: lista de medicamentos, exames...


O Ministério da Saúde lançou o aplicativo e-Saúde. O objetivo é que o usuário tenha fácil acesso à lista de medicamentos que podem ser retirados nos postos, além de acompanhar a cartela de vacinação, verificar lista de exames realizados pelo SUS (Sistema Único de Saúde), entre outros serviços de saúde básica.

Segundo o atual ministro da saúde, Ricardo Barros, a ideia é aproximar o contato entre os pacientes e os locais de atendimento por todo o Brasil.

“Precisamos usar a tecnologia para integrar os dados da saúde, promover a correta aplicação dos recursos públicos, aprimorar o planejamento das ações e, principalmente, ampliar o acesso e a qualidade da assistência prestada à população”, disse o ministro no evento de lançamento do app.

O app e-Saúde está disponível para o sistema Android. Em breve deve chegar ao iOS.

e-Saúde: como usar

O aplicativo e-Saúde pede dados pessoais de acesso a partir de RG, CPF e o número do Cartão Nacional de Saúde (CNS), listando as informações gerais do cidadão.

Na página “Minha Saúde” dá pra visualizar informações como medicamentos, vacinas que ainda precisam ser tomadas e até mesmo consultar a posição na lista de transplantes.

Também é possível denunciar o lançamento indevido de medicamentos no seu nome – algo que pode acontecer devido a conflitos cadastrais.

A aba “Serviços de Saúde” permite a consulta de unidades de saúde públicas mais próximas do local onde você está, enquanto a opção “Atendimento SUS” mostra a lista de procedimentos já feitos pelo usuário nas unidades.

O ministério firmou parceria com o Google Maps para integrar a localização dos serviços de unidade básica de saúde.

“A ideia é facilitar o acesso do cidadão à informação sobre os estabelecimentos de saúde e, com isso, identificar a unidade de saúde mais próxima da sua casa por meio de computadores, celulares ou tablets”, informa a assessoria da pasta.

LEIA MAIS IMPRIMIR ou SALVAR COMPARTILHAR ou SALVAR SALVAR PDF